17 outubro 2014

Variedades: comemorando o Halloween no Brasil


Antes de começarmos de verdade, vamos dar uma olhadinha na história dessa comemoração? ♦ O Halloween era comemorado pelo povo celta, que acreditava que em determinado dia do ano os mortos visitavam a Terra, pregando a discórdia e estragando as colheitas. Para afastarem o mal, decoravam suas casas com decorações assustadoras e muitas vezes se fantasiavam - a ideia geral era não apenas meter medo nas assombrações, mas também passar despercebido por entre elas.
Vamos deixar uma coisa bem clara: eu amo o folclore brasileiro, mas comemoro o Halloween sim, e todo ano. Pra quem não faz ideia de como comemorar aqui no Brasil, resolvi fazer essa postagem. Não tem nada a ver com religião, nacionalidade ou o que for, apenas um meio de conhecer outras culturas e se divertir fora da rotina.



1. Pedir doces

Óbvio demais? Sem condições de ser feito? No. Se você mora num prédio, por exemplo, pode visitar todos os andares, como os vizinhos da minha avó faziam - e eles ganhavam muuuuitos doces. Quando nós esquecíamos de comprar pra dar pra eles, dávamos um pacote de Bis que estivesse sobrando ou só biscoitos recheados mesmo. ~ Se você não mora num prédio, pode chamar a turma pra pedir doces no prédio de um amigo, por que não? Se o (a) síndico (a) consentir, podem até mesmo pregar um aviso no quadro de avisos do prédio alguns dias antes, avisando que no dia 31 de outubro doces serão pedidos (assim todo mundo se prepara).
Se você NÃO TIVER UM PRÉDIO DISPONÍVEL, vale colocar avisos por todo o bairro, na forma de cartazes feitos à mão mesmo, e chamar todo mundo que você conhece para pedir doces. Exemplo de aviso: "no dia 31 de outubro, todos estão intimados a pedirem doces por todo o bairro, se possível com alguma máscara ou fantasia bacana. Nos encontraremos na praça x em horário x para formarmos grupos. Se não quiser participar ativamente, separe quaisquer doces para distribuir." Peçam para alguém bom em desenho desenhar uns morcegos ou abóboras nas folhas (imprimir gasta muito).


2. Organizar uma festa à fantasia

Primeiro: encontre um lugar grande, essas festas tem mais graça se forem feitas com mais gente. Se a sua casa for pequena, peça permissão para fazer na casa da tia, prima, mãe, avó, vizinho, sei lá, qualquer coisa serve. Depois, faça uma lista das pessoas que você quer convidar, e chame gente legal, porque festa de Halloween com povo desanimado é uma droga sem fim - e faça uma lista NUMERADA, você vai precisar da quantidade exata de convidados depois.
A decoração é fácil, tem um monte de tutoriais baratinhos na internet (wow, a minha mania de ser barateira ataca novamente!) e casas de festa nessa época do ano vendem muita coisa legal. Aranhas de plástico espalhadas pela casa (tem umas tarântulas que parecem super reais), lanternas de abóbora (super fáceis de fazer), morcegos de plástico/cartolina pendurados no teto com fios de nylon, caveiras, capas de chuva e casacos pendurados para parecerem fantasmas, sangue falso, partes do corpo de manequins/bonecos, adesivos fluorescentes... As cores oficiais do Halloween são preto, laranja, roxo e (aposto que você nunca ouviu falar disso!) verde, então procure comprar copos, talheres, pratos descartáveis e guardanapos nessas cores.
Para adicionar mais coisas, é possível ainda espalhar gravadores, celulares ou aparelhos de som pela casa, escondidos, fazendo barulhos sinistros periodicamente. Tem pra baixar da internet, e se você encontrar algum no YouTube faz o download rápido do mp3 com esse site (sem vírus). Depois, só passar prum CD, pendrive, celular e esconder bem escondidinho, pra dar susto no povo.
Por último, faça os convites e coloque no correio, contate todos por e-mail ou redes sociais ou telefone ao menos duas semanas antes, pedindo para que separem uma fantasia ou pelo menos uma máscara ou chapéu. O horário deve ser mais tarde, festas assim ficam melhores de noite, e jogos como contar histórias de terror, fazer maratona de filmes de terror numa TV grande, tirar fotos e fazer filmagens macabras, colocar músicas sinistras para dançar com certeza podem estar presentes.


3. Festa do pijama de Halloween

Se a opção acima não é viável, faça como eu: todos os anos, chamo umas pessoas pra minha casa e faço uma festa do pijama (ah, mas eu já dei festa antes, viu?). A gente se maquia para parecermos monstros, vemos filmes de suspense (não aguento ver de terror), contamos histórias macabras e creepypastas em geral, comemos comidas típicas do feriado (como torta de abóbora, milho, comidas em forma de aranha ou túmulo, suco tingido de vermelho para parecer sangue), elegemos a melhor maquiagem de Halloween, vemos clipes de vocaloid com temas assustadores, eu obrigo todo mundo a assistir animes macabros como Another... -q É bem legal! *w*


4. Tirar fotos assustadoras

Na sua cidade com certeza tem um bosque, uma casa abandonada, um parquinho deserto, um lugar onde só algumas pessoas passam, uma árvore com formato diferente, roseiras, uma casa com portões sinistros... E, dentro de casa, talvez tenha sobrando uma boneca de pano ou porcelana, decoração de Halloween sobressalente, uma paisagem curiosa... Todas essas coisas viram fotos assustadoras se você tirar as fotos do ângulo certo e depois aplicar os filtros certos. Eu adoro tirar fotos com um ar de terror, aqui na minha tem tudo isso e ela é um buraco no meio do nada, na sua também vai ter.  :v

5. Fazer um concurso de fantasias

Titulo autoexplicativo, certo? Chama um povo, cada um se fantasia e vocês separam alguns jurados para darem nota. Vale tudo: a maquiagem, as roupas e até a atuação. O prêmio pode ser qualquer coisa, desde um ingresso para uma dessas festas de Halloween que casas de festa dão em outubro, passando por ingresso para filme de terror no cinema ou coisas mais simples, variando de pessoa pra pessoa.


6. Ver um filme de terror que estiver em cartaz no cinema

Porque no cinema é MUITO mais assustador, gente! XD Preciso dizer mais alguma coisa?

3 comentários:

  1. Eu não gosto de comemorar o Halloween, já que não é uma festa muito comum aqui no Brasil e pouquíssimas pessoas que eu conheça comemoram isso. Na verdade, que eu conheça, nenhuma. Seria legal fazer uma festa na minha casa de Halloween, mas poucas pessoas seriam convidadas. Pedir doces seria pior, já que na minha rua ninguém sairia distribuindo doces. O jeito é convidar umas pessoas pra ir assistir Annabelle no cinema ç_ç
    photo-and-coffee.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Nossa quando coisa legal, me vejo de como fui sem infância, sem juventude sem nada, eu nunca fiz nada disso acredita, será que eu posso pedir doces com 20 anos de idade ? haha amei o post, seguindo o blog
    beijos http://www.blogdaxavier.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Queria muito ir numa festa assim ahahahah, nunca fui a uma festa de Halloween, mais fico imaginando esse pessoal americano, mais tradicionais, deve ser uma delicia o Halloween lá!
    Beijos

    http://umamineirasonhadora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir